Emiliano Landim dá dicas para o advogado empreendedor

Publicado em
emiliano

Quantas disciplinas você teve sobre empreendedorismo na faculdade? A maioria dos advogados não teve nenhuma! Por isso, muitos profissionais têm dificuldade de encarar o próprio escritório de advocacia como um negócio. Mas a verdade é que sem uma boa gestão, marketing e networking, dificilmente seu escritório vai prosperar.

Pensando nisso, o advogado Emiliano Landim resolveu unir suas duas paixões: o direito e o empreendedorismo. Produtor de conteúdo para a internet, agora ele também é parceiro da Aurum.

Se você acompanha o nosso blog, talvez já tenha visto o webinar que o Emiliano fez com a gente. Mas agora ele vai escrever quinzenalmente para o nosso blog, compartilhando dicas para quem quer se tornar um advogado empreendedor de sucesso! Dá uma olhada na entrevista que fizemos com ele:

Você já saiu da faculdade sabendo que era um advogado empreendedor ou isso foi algo que você desenvolveu ao longo do tempo? Como foi esse processo?

Emiliano: Ao sair do curso de Direito, minha meta era passar, primeiramente, no exame da OAB (2008), sem, contudo saber ao certo os caminhos a serem seguidos (carreira pública ou privada). Resolvi seguir sempre os conselhos dos meus pais: estude, pois o conhecimento ninguém lhe retira. Foi então, em continuação e dedicação aos meus estudos, que me surgiu a oportunidade para retornar ao Escritório de Advocacia Pereira Viana Advogados Associados, local onde exerci meu penúltimo estágio. Ali, no ano de 2010, que dei início à minha jornada de um advogado empreendedor.

Quais comportamentos você acha essenciais em um advogado empreendedor?

Emiliano: Ser proativo, eficiente e competente tecnicamente, exercer a advocacia com profissionalismo, ser apaixonado por solucionar problemas jurídicos, amar ter clientes (sem eles o advogado não sobrevive), ser, sempre, um advogado com mentalidade de crescimento – afinal, a advocacia é e sempre será um desafio de sentimentos. Celebre vitórias, resultados positivos, mas não perca muito tempo se vangloriando.

Qual a importância do marketing jurídico para o advogado autônomo e para o escritório?

Emiliano: O advogado que não desenvolve o marketing jurídico, seja um advogado autônomo ou que trabalha num escritório de advocacia, deixa de dar escala aos seus serviços jurídicos. O que eu quero dizer com isso: é deixar com que os resultados entregues pelos advogados fiquem restritos a um grupo de pessoas. É preciso entender que um escritório de advocacia é uma empresa e toda empresa foi feita para gerar lucro e não prejuízo. Então, divulgue os seus resultados (respeitando o código de ética da OAB) para o mercado jurídico, caso contrário o advogado não irá muito longe. Marketing jurídico é vida para qualquer advogado e/ou escritório de advocacia.

Quando você começou a compartilhar conteúdo na internet? De onde veio a ideia?

Emiliano: Comecei a compartilhar os meus vídeos e textos no final de 2015. A ideia surgiu de um problema que todos os estudantes enfrentam nas faculdades de Direito, qual seja: ausência de disciplinas que ensinem o advogado a advogar (como fazer um excelente networking, como conquistar clientes, gestão legal para escritórios, marketing digital para advogados, negociação, dentre outras).

O que os leitores do blog da Aurum podem esperar da nossa parceria?

Emiliano: Colaboração, aprendizado mútuo e constante e atualidades do mercado jurídico.

Que conselhos você dá para os advogados em início de carreira?

Emiliano: A advocacia não combina com o médio, pois o médio é mediano e o mediano é medíocre. Então, dê vida aos seus sonhos, mude seus hábitos, agarre o desconhecido, abrace aquela causa, atenda aquele cliente, estude aquela nova matéria, seja referência, não tenha medo, vá em frente.

Você precisará trabalhar muito para tomar as mais acertadas decisões e, diga-se, nem sempre serão as melhores e mais acertadas decisões. É resolver assuntos dos mais variados, com incertezas invariáveis, mas permanecer tranquilo: o seu interesse em fazer acontecer trará resultados positivos e extraordinários. Por isso, convido a todos os advogados se tornarem exímios empreendedores. Advogue com brilho e amor que os seus honorários virão.

 

Por Aurum

Fonte: https://www.aurum.com.br/blog/jose-emiliano-landim-dicas-para-quem-quer-empreender/#otua

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
_113967234_hi031081850

Em resposta ao ChatGPT, Google planeja lançar 20 projetos de inteligência artificial em 2023

A empresa queria ir devagar, mas a ameaça externa da OpenAI acelerou o planos
Captura de tela 2023-01-27 094937

Cinco tendências de tech e ESG apresentadas em Davos

Diversidade e inclusão foram alguns dos principais destaques do relatório sobre o cenário atual do mercado global de tecnologia, lançado durante o Fórum Econômico Mundial
Captura de tela 2023-01-27 094517

“Não há falta de dinheiro para startups”, diz cofundador da Liga Ventures

Guilherme Massa explica que os desafios têm relação com um tempo maior de decisão dos investidores baseado no momento econômico e na busca por retorno
Face recognition AR hologram screen  smart technology

O chat GPT: o que o novo oráculo de delfos tem a dizer aos advogados?

O grande diferencial da ferramenta, como toda ferramenta tecnológica inovadora, será no modo como é utilizada para extrair os benefícios da mesma.
EMPRESAS ALIADAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.