CVM proíbe a compra de moedas virtuais por fundos de investimento

Publicado em
moeda-bitcoin

Moedas virtuais não são ativos financeiros, segundo a Comissão de Valores Mobiliários. Por isso, a autarquia proibiu fundos de investimento regulados por ela de fazerem qualquer “aquisição direta” de bitcoins e outras iniciativas do tipo. O informe foi publicado na sexta-feira (12/1).

“A área técnica da CVM informa aos administradores e gestores de fundos de investimento que as criptomoedas não podem ser qualificadas como ativos financeiros, para os efeitos do disposto no artigo 2º, V, da Instrução CVM 555. Por essa razão, não é permitida aquisição direta dessas moedas virtuais pelos fundos de investimento regulados”, afirma Daniel Maeda, chefe da Superintendência de Relações com Investidores Institucionais (SIN) da CVM.

Os detalhamentos sobre a proibição estão no Ofício Circular SIN 1/2018. O documento diz que, como a discussão sobre o tema ainda é inicial, “há ainda muitos outros riscos associados” à natureza das moedas virtuais, como de ordem de segurança cibernética, particulares de custódia ou relacionados à legalidade futura de sua aquisição ou negociação.

Uma das preocupações da comissão é com a possibilidade do uso da ferramenta para lavagem de dinheiro, de acordo com o jornal Valor Econômico.

O comunicado afirma ainda que, até o momento, muitos países ainda discutem a natureza jurídica e econômica dessas moedas virtuais como modalidades de investimento, “sem que se tenha, em especial no mercado e regulação domésticos, se chegado a uma conclusão sobre tal conceituação”.

A compra e venda de bitcoins e outras semelhantes ainda tem sido vista com cautela pelas autoridades financeiras no Brasil. Em novembro, o Banco Central anunciou que a aquisição com fins especulativos está sujeita “a riscos imponderáveis, incluindo, nesse caso, a possibilidade de perda de todo o capital investido, além da típica variação de seu preço”.

 

Por Conjur

Fonte: https://www.conjur.com.br/2018-jan-12/cvm-proibe-compra-moedas-virtuais-fundos-investimento

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
_113967234_hi031081850

Em resposta ao ChatGPT, Google planeja lançar 20 projetos de inteligência artificial em 2023

A empresa queria ir devagar, mas a ameaça externa da OpenAI acelerou o planos
Captura de tela 2023-01-27 094937

Cinco tendências de tech e ESG apresentadas em Davos

Diversidade e inclusão foram alguns dos principais destaques do relatório sobre o cenário atual do mercado global de tecnologia, lançado durante o Fórum Econômico Mundial
Captura de tela 2023-01-27 094517

“Não há falta de dinheiro para startups”, diz cofundador da Liga Ventures

Guilherme Massa explica que os desafios têm relação com um tempo maior de decisão dos investidores baseado no momento econômico e na busca por retorno
Face recognition AR hologram screen  smart technology

O chat GPT: o que o novo oráculo de delfos tem a dizer aos advogados?

O grande diferencial da ferramenta, como toda ferramenta tecnológica inovadora, será no modo como é utilizada para extrair os benefícios da mesma.
EMPRESAS ALIADAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.