5 games que estão se adaptando às criptomoedas e NFTs

Os tradicionais jogos conhecidos por gamers ao redor do mundo estão usando a tecnologia blockchain para entrar na Web3
Publicado em
tech-jogos-web3-05ago22-Divulgacao-768x512

Texto original publicado pela Forbes

O mercado dos jogos eletrônicos é um dos mais bem sucedidos por conta do enorme potencial lucrativo. E um movimento importante que vem sendo notado recentemente é que jogos tradicionais também passem a aderir à tecnologia blockchain. A Bayz, uma das empresas especializadas em criptogames, separou 5 jogos tradicionais de sucesso que estão aderindo à tecnologia blockchain.

1- CS:GO
O clássico jogo de FPS, Counter Strike: Global Offensive (CS:GO) está produzindo skins utilizando NFTs que poderá ser vendida pelos próprios jogadores. A princípio, o jogo venderá somente as peças nas versões em NFTs e posteriormente, pretende vendê-las fisicamente. A tendência é que tenhamos cada vez mais Skins NFT em CS:GO. Mas, por enquanto é apenas especulação.

2 – Castle Crush 
Trabalhando no aprimoramento do jogo para a economia e aos usuários, o Castle Crush fez alterações para deixar o jogo mais descentralizado. Portanto, a Wildlife, responsável pelo desenvolvimento do jogo, fechou uma parceria com a BAYZ para promover o Castle Crush. Além de possuírem assets do jogo em forma de NFT, os usuários terão a oportunidade de receber recompensas reais por seus esforços no jogo. O Token $ACS concede a seus holders o direito de participar do “Castle Crush Council” para votar em pautas importantes sobre o desenvolvimento do jogo.

3 – Final Fantasy
O jogo Final Fantasy realizou uma parceria com a Enjin para lançar NFTs dentro do jogo, que serão atrelados a action figures de personagens e cards criados especialmente para o aniversário de 25 anos da franquia. Já é possível participar da pré-venda de cards limitados da Final Fantasy VII, mas as figuras de ação dos personagens só serão disponibilizadas mais adiante.

4 – MIR4
Durante suas aventuras no jogo MIR4, os players realizam diferentes tarefas e atividades que podem render Tokens e itens em NFT. Além de sacar semanalmente, os players mais assíduos também podem continuar investindo em seus personagens para obter recompensas cada vez maiores. É verdade que algumas mecânicas do jogo poderiam ser aprimoradas, mas o que MIR4 oferece aos jogadores já é acima da média quando comparado a outros Blockchain Games.

5 – The SandBox
Priorizando a criação individual dos jogadores, o jogo The SandBox passou a trabalhar na utilização de NFTs para lands e assets, criando assim um metaverso verdadeiramente descentralizado. Além de poderem compartilhar suas criações e experiências com outros jogadores, em The Sandbox os usuários e investidores podem ter real propriedade de tudo que criarem ou conquistarem, podendo inclusive conseguir ganhos reais com isso.

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
BGC

Streamers gamers apostam em um novo nicho: eventos proprietários

Brasil movimentará US$ 2,7 bi em negócios relacionados a games em 2022
carreira_profissoesdofuturo_24022021_Marko-Geber_GettyImages-3-768x512

No pain, no gain: tentativa e erro devem fazer parte da cultura das empresas da era digital

Atualmente as empresas procuram desencadear transformações digitais e se beneficiar de infraestruturas escaláveis e ágeis
acordo-online-negociacao-aperto-maos

Plataformas de ODR agilizam conciliação online e facilitam acordos entre as partes

Daniel Marques, diretor executivo da AB2L fala para a Conjur
jus-gif-2

PNUD e Jusbrasil assinam parceria para pesquisas sociais no Brasil

O Jusbrasil assinou uma nova parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) no intuito de ampliar as ações relacionadas ao cumprimento do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável de número 16
EMPRESAS ALIADAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.