Sandbox.Rio: município vai testar produtos, serviços e processos inovadores

O Sandbox.Rio vai selecionar projetos que impulsionem o desenvolvimento da cidade
Publicado em
2c6858e24031d76f67c7
Imagem: Marcelo Casal Jr/Agência Brasil

Texto original de Marcos de Paula, publicado pela Prefeitura do Rio de Janeiro

Produtos, serviços ou processos inovadores que ainda não se enquadram nas regras vigentes na cidade vão poder ser testados no Rio, através de autorização temporária concedida pelo município e em um ambiente controlado. Durante o período de testes, a atividade será monitorada para a coleta de dados que terão utilidade numa possível regulamentação. Isso ocorrerá por meio do Sandbox.Rio, projeto da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação. O edital de chamada pública para as empresas interessadas está aberto pela Prefeitura.

Ou seja, se um empreendedor possui um produto inovador que não se enquadra na regulação existente – como entregas utilizando drone, por exemplo -, poderia, por meio dessa iniciativa, simular a atividade de forma legal e observar seus impactos. Após os testes, as informações geradas seriam usadas por gestores na concepção de políticas públicas  de  interesse  do  município,  para  formulação  da melhor regulamentação, que seja receptiva e funcione na prática com as novas tecnologias.

O Sandbox.Rio pretende selecionar projetos que impulsionem o desenvolvimento econômico da cidade. Para isso, é necessário que estejam alinhados com as áreas de atuação do município.

Qualquer pessoa jurídica com capacidade técnica e financeira para executar projetos, como empresas, institutos de pesquisa e outras entidades voltadas à promoção de inovações tecnológicas, podem participar do Sandbox.Rio. Os interessados poderão enviar suas inscrições até 10 de junho.

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
BGC

Streamers gamers apostam em um novo nicho: eventos proprietários

Brasil movimentará US$ 2,7 bi em negócios relacionados a games em 2022
carreira_profissoesdofuturo_24022021_Marko-Geber_GettyImages-3-768x512

No pain, no gain: tentativa e erro devem fazer parte da cultura das empresas da era digital

Atualmente as empresas procuram desencadear transformações digitais e se beneficiar de infraestruturas escaláveis e ágeis
acordo-online-negociacao-aperto-maos

Plataformas de ODR agilizam conciliação online e facilitam acordos entre as partes

Daniel Marques, diretor executivo da AB2L fala para a Conjur
jus-gif-2

PNUD e Jusbrasil assinam parceria para pesquisas sociais no Brasil

O Jusbrasil assinou uma nova parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) no intuito de ampliar as ações relacionadas ao cumprimento do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável de número 16
EMPRESAS ALIADAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.