Tailândia usará blockchain para coletar impostos sobre bens de forma mais eficiente

Departamento de Impostos Especiais da Tailândia planeja usar a tecnologia blockchain na implementação de um novo sistema que coleta impostos de forma eficiente em vez de aumentá-los, segundo artigo do Bangkok Post.

O Departamento de Impostos Especiais (do inglês “Excise Department”), parte do Ministério das Finanças do país, é responsável pela coleta de impostos sobre a venda de produtos e bens fabricados e vendidos.

Segundo o artigo, a meta fiscal para 2021 é de aproximadamente 530 bilhões de bahts tailandeses.

O departamento utilizará a tecnologia blockchain para ajudar a identificar o preço, a taxa de importação e a responsabilidade fiscal de cada produto importado, de acordo com Lavaron Sangsnit, diretor-geral do Departamento.

A ideia é que a tecnologia blockchain dificulte a evasão fiscal porque o Departamento de Impostos Especiais, além do Departamento da Receita e do Departamento da Alfândega, terão a mesma base de dados para realizar as auditorias fiscais, acrescentou ele.

O Departamento de Impostos Especiais começou a planejar essa implementação no ano passado, a fim de criar um sistema baseado blockchain para avaliar as declarações fiscais sobre exportações de petróleo, que totalizam ⅔ da receita total coletada pelo departamento.

Fonte: Money Times

Comentários

Comentários