Startup brasileira é selecionada pelo Ministério das Relações Públicas Exteriores para representar o Brasil em evento internacional

A plataforma Dados Legais foi uma das empresas selecionadas pelo Ministério das Relações Públicas Exteriores para participar do Dublin Tech Summit (DTS), conferência internacional de tecnologia que será realizada em Dublin, na Irlanda, no dia 17 de junho. A iniciativa se insere no âmbito do Programa de Diplomacia da Inovação (PDI), promovido pelo Ministério. O objetivo é desenvolver ações para elevar o perfil do Brasil junto aos ecossistemas estrangeiros de inovação, visando, entre outros aspectos, identificar parcerias, atrair investimentos e apoiar a internacionalização de startups brasileiras.

A Dados Legais auxilia empresas a cumprir os requisitos da nova Lei Geral de Proteção de Dados – LGPD, reduzindo riscos materiais e de imagem. O ponto central do programa de privacidade e proteção de dados é o mapeamento dos dados. Com a plataforma da Dados Legais é possível identificar os fluxos dos dados pessoais dentro da companhia, através de integrações com os bancos internos e de terceiros.

Advogada, CEO e founder da Dados Legais, Luiza Leite está animada com a participação no evento internacional. Pesquisadora em Regulação e Novas Tecnologias pela UFRJ e professora nos cursos de pós-graduação da FGV, a especialista em direito digital tem a expectativa de que o programa vai trazer visibilidade para o mercado de lawtechs brasileiras. “Especialmente para privacy techs. É uma grande oportunidade para levantar investimento em tecnologia nacional, o que alavanca ainda mais a inovação aqui no país”, completou.

Fonte: Correio da Manhã

Comentários

Comentários