A construção da autoridade na advocacia

Publicado em
autoridade-700x405

Toda vez que o assunto em pauta é o empreendedorismo jurídico ou dicas para alavancar a carreira de um advogado, um dos temas com mais destaque e peso é a necessidade da construção da autoridade, afinal, ela implica diretamente na abertura de novas portas, no aumento da credibilidade e na conquista de clientes.

A construção da autoridade se dá com o posicionamento do nome e marca no mercado, baseado num de serviço ou produto de qualidade. Podemos utilizar como exemplo grandes empresas conhecidas por todos como a Apple e a Coca-Cola, que edificaram suas marcas com produtos de extrema qualidade, tornando-se referência naqueles segmentos.

Desta forma, construir autoridade na advocacia significa construir a imagem do advogado como referência de qualidade em algum tema de forma a transmitir confiança e domínio sobre ele.

O simples fato de alguém ser considerado como autoridade, gera no seu público-alvo uma preferência automática, de modo que o cliente sempre lembrará primeiro daquela pessoa quando tiver qualquer demanda relacionada aos assuntos que ela domina.

Sendo assim, para que a autoridade seja construída, o advogado precisa pôr em prática os passos a seguir:

Segmentação

O primeiro passo para a construção da autoridade é a segmentação do seu público-alvo.

Ninguém pode ser excelente atuando em todos os nichos de mercado, por isso é extremamente importante definir o perfil do seu cliente e a sua área de atuação. Quanto mais sub nichos definidos, melhor para maior precisão na segmentação, o que vai acarretar em clientes mais qualificados e com potencial de fidelização bem maior do que os demais.

Especialização

Não é possível ser autoridade sem ser especialista e ter conhecimento técnico da área de atuação definida. É preciso investir em educação, especialização, atualização e bons livros para estar preparado, produzir conteúdo de qualidade e gerar resultados. Autoridade significa competência.

Produção de Marketing de conteúdo

Já não é novidade que sem a utilização de ferramentas de marketing online e off-line fica muito mais difícil alcançar o público e divulgar um trabalho. Além disso, é preciso levar em consideração que o Código de Ética da OAB veda diversas formas de publicidade e marketing que devem ser respeitadas, por isso, a produção de conteúdo informativo é a forma mais eficaz para a divulgação da atuação dos advogados, dentro das formas permitidas pela Ordem.

A produção desse marketing de conteúdo faz com que os potenciais clientes encontrem nas publicações a forma de solução para a situação enfrentada por ele, trazendo a satisfação com a confiabilidade almejada.

Para a produção desse conteúdo é extremamente importante se atentar para a utilização de linguagem simples e de fácil entendimento, já que o público alvo daquele conteúdo é composto por pessoas que não detém conhecimento técnico jurídico. Além disso, deve haver constância nas publicações para que a autoridade seja sempre ratificada no sub consciente do cliente.

Networking

Ser bem relacionado é essencial para difundir a imagem de uma autoridade pois além de ser impactante ser indicado a um cliente por alguém que também é autoridade, o networking abre portas para diversas outras formas de divulgação do trabalho, através de pessoas que já o conhecem a atestam a sua qualidade.

Cuidado com a imagem pessoal / comportamento

A imagem pessoal deve estar sempre ligada com a mensagem que a pessoa quer transmitir para os outros, dessa forma, se o advogado deseja ser visto como autoridade, deve se comportar como tal, falando e vestindo-se adequadamente para as ocasiões, transmitindo a visão, a missão e os valores que movem a sua atividade profissional.

Resultados

A melhor forma de demonstrar a autoridade alcançada é a apresentação de resultados. Eles, por si só, já demonstram a capacidade e qualidade do trabalho prestado e fazem com que a satisfação do cliente seja divulgada para seus amigos, parentes, colegas e conhecidos, de modo a ratificar a excelência e confiabilidade do advogado.

Ser autoridade não significa ter muitos anos de vida ou muito tempo de experiência, mas esse status não é conquistado de uma hora para a outra – demanda uma construção minuciosa e detalhista, que implica em muito trabalho, dedicação e estudo.

 

Por Aviso Urgente

Fonte: https://blog.avisourgente.com.br/autoridade-na-advocacia/?rdst_srcid=1134094&utm_campaign=FaceAdsAutoridadeNaAdvocacia&utm_medium=FaceAdsAutoridadeNaAdvocacia&utm_source=FaceAds

 

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
14cfba59-94f6-4724-9c7e-6828caadc8a2

Advogado, qual é o seu maior medo? - Abertura do AB2L Lawtech Experience 2022

businessman hand stop dominoes continuous toppled or risk with c

Uma alternativa para a resolução de conflitos

Correcting interface

Marketing jurídico: o que é e como fazer

Entrepreneur using digital tablet

Você está pronto para o mercado 4.0?

African American bank manager and a couple signing a contract in

Legal Ops: O que são e porque investir nesse setor?

Business people using internet

Afinal, o que é Web 3.0 e qual sua relação com o Metalaw?

News-LEX

Inteligência artificial e Jurimetria: como a tecnologia influencia no Direito?

martelo

O fim do software jurídico no Brasil, por Vinícius Marques

EMPRESAS ALIADAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.