Pesquisar
Close this search box.

Plataforma quer encerrar disputas em 24 horas

Publicado em
KOR
Workshop KOR

Publicado por Money Report

Legaltech com serviços de fintech, KOR ameniza conflitos judiciais e extrajudiciais entre consumidores e empresas

O volume de processos de consumo no Brasil é enorme e o tempo gasto, longo e contraproducente para empresas e reclamantes. Pensando nisso, a KOR Solutions, criada em 2020, desenvolveu uma plataforma de soluções que reduz, em média, de 18 meses para apenas uma semana o tempo para mediar e solucionar conflitos, sendo que alguns casos são resolvidos em menos de 24 horas, desde a proposta até a assinatura e oficialização do acordo, judicial e extrajudicial.

Fundada por Victor Aracaty e Roberto Villas Bôas (na imagem), os serviços verticais da KOR querem abranger desde novos processos até os pagamentos. Com a utilização de inteligência artificial é possível identificar processos e checar a política da empresa envolvida para enviar uma proposta em poucos minutos via e-mail ou SMS. Caso o autor da ação aceite, o pagamento é feito em até 24 horas. Além disso, a empresa, que é meio legaltech e meio fintech, oferece um serviço de crédito para quitação de valores em apenas uma parcela, ao fim de cada mês.

De acordo com Aracaty, um dos custos pouco evidentes que uma grande companhia enfrenta com um processo judicial está nos danos à marca – ainda mais com plataformas de defesa do consumidor, como o Reclame Aqui. “Agimos para evitar esse desgaste para a marca e tornar a resolução de conflitos mais eficiente e conveniente para ambas as partes, eliminando ruídos na relação”.

Além disso, cada processo pode custar até 5 vezes mais do que o valor da condenação para uma empresa. “É do interesse buscar soluções como a oferecida pela KOR para evitar processos desnecessários e dar fluidez às resoluções”, explica Victor.

Mercado aquecido

Dados da Associação Brasileira de Lawtechs e Legaltechs (AB2L) mostram que o número de startups jurídicas no país aumentou 300% entre 2017 e 2019. Eram quase 150 e hoje são cerca de 600. “O mercado de legaltechs no Brasil está aquecido, apesar de ainda ter espaço para crescimento. Contudo, ainda é uma área muito apegada a hábitos antigos, mas estamos furando esta bolha e buscando modernizar cada vez mais”, afirma Aracaty . 

A KOR atende 25 grandes empresas. São varejistas de vestuário e material esportivo, agências de viagem, companhias aéreas, bancos, financeiras e até escritórios de advocacia — que usam a plataforma para receber alertas de processos contra seus clientes. Pela cláusula de confidencialidade, os nomes não podem ser divulgados. A startup já tratou de mais de 200 mil conflitos judiciais e extrajudiciais, negociando mais de R$ 3 bilhões em processos dentro da plataforma.

O portfólio também inclui um serviço de cobrança e recuperação de crédito, o Quitei, criado em 2021. Desde seu lançamento, foram renegociados mais de 350 mil. A plataforma soma R$ 450 milhões sob gestão a recuperar.

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
SOS AGUA

SOS RS | AB2L Unida Pelo Rio Grande do Sul!

Junte-se a nós para apoiar os Gaúchos. Doe água! Estamos arrecadando doações de água mineral para ajudar aqueles
Fotografia: Dickson Ricardo - @dickson.fotografo

CNJ prorroga suspensão de prazos processuais envolvendo o RS em todos os tribunais

Suspensão dos prazos foi prorrogada até 31 de maio
SITE

INFORME AB2L 2024

#03 05/24 Lívia Carolina e Patrícia Schiaveto  participam do Legal Business Development Lívia Carolina, Diretora de Operações da
SOS

SOS RIO GRANDE DO SUL

Caros Associados e Parceiros, É com urgência que informamos sobre a crise humanitária no Rio Grande do Sul
EMPRESAS ALIADAS E MANTENEDORAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.