Oslo vai se tornar a primeira cidade a recarregar táxis elétricos pelo ar

Publicado em
oslo-carros-uol

Oslo, capital da Noruega, se tornará a primeira cidade do mundo a instalar sistemas de recarga sem fio para táxis elétricos, na esperança de tornar a recarga rápida e eficiente o suficiente para acelerar a chegada de táxis não poluentes. O projeto usará tecnologia de indução, com placas de carregamento instaladas em pontos de táxi ligados a receptores instalados no veículo, informou a empresa finlandesa Fortum nesta quinta-feira

A partir de 2023, todos os táxis em Oslo serão obrigados a ter emissão zero e a Noruega quer que todos os carros novos estejam com os índices zerados até 2025. Entre outras nações, Reino Unido e França têm metas similares para 2040. A Fortum, que está trabalhando com a empresa norte-americana Momentum Dynamics e a cidade de Oslo no esquema, disse que o maior obstáculo para a eletrificação de táxis até agora era a infraestrutura, já que é muito demorado para os taxistas encontrarem um carregador, plug-in, e depois têm de esperar o carro carregar. A indução é mais eficiente em termos energéticos e permite carregar os táxis enquanto eles se movem lentamente nas filas.

“O tempo é igual ao dinheiro quando os motoristas de táxi estão trabalhando”, disse Ole Gudbrann Hempel, chefe da rede de recarga pública da Fortum na Noruega.

A Noruega tem a maior proporção de carros elétricos do mundo, em parte graças a benefícios de longo prazo, como pedágios gratuitos ou com desconto, estacionamento e pontos de recarga. No ano passado, quase um em cada três carros novos vendidos foi elétrico. O governo também isenta os veículos elétricos de impostos em veículos tradicionais que são muito altos em um país que não tem sua própria indústria de carros movidos a combustíveis fósseis para fazer lobby contra eles. Com apenas cinco milhões de pessoas, a Noruega comprou 46.143 novos carros elétricos a bateria em 2018, tornando-se o maior mercado da Europa, à frente da Alemanha, com 36.216 e da França, com 31.095, de acordo com a Associação Europeia de Fabricantes de Automóveis.

Por: Tarmo Virki
Fonte: UOL

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
_113967234_hi031081850

Em resposta ao ChatGPT, Google planeja lançar 20 projetos de inteligência artificial em 2023

A empresa queria ir devagar, mas a ameaça externa da OpenAI acelerou o planos
Captura de tela 2023-01-27 094937

Cinco tendências de tech e ESG apresentadas em Davos

Diversidade e inclusão foram alguns dos principais destaques do relatório sobre o cenário atual do mercado global de tecnologia, lançado durante o Fórum Econômico Mundial
Captura de tela 2023-01-27 094517

“Não há falta de dinheiro para startups”, diz cofundador da Liga Ventures

Guilherme Massa explica que os desafios têm relação com um tempo maior de decisão dos investidores baseado no momento econômico e na busca por retorno
Face recognition AR hologram screen  smart technology

O chat GPT: o que o novo oráculo de delfos tem a dizer aos advogados?

O grande diferencial da ferramenta, como toda ferramenta tecnológica inovadora, será no modo como é utilizada para extrair os benefícios da mesma.
EMPRESAS ALIADAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.