O que os advogados podem fazer no metaverso

Já existem soluções de "metaverso" que advogados podem aproveitar
Publicado em
O que os advogados podem fazer no metaverso
Imagem: Meta (divulgação)

Texto original de Bernardo Azevedo, publicado em seu portal.

A cada semana venho aprendendo novidades sobre o metaverso e conversando com os advogados. Muitos planejam lançar iniciativas por lá nos próximos meses. Mesmo nesse momento inicial que estamos presenciando, com ambientes poligonais e avatares mais cartunizados, posso dizer que o potencial para os escritórios de advocacia já é imenso.

O que os advogados podem fazer no metaverso

Veja como você, advogado(a), pode explorar o ambiente virtual a partir de hoje:

1. O metaverso permite oferecer novas experiências aos clientes

Tanto advogados quanto clientes já estão saturados de videochamadas no Zoom. O metaverso, em síntese, quebra essa lógica e permite oferecer novas experiências aos clientes. Convidar o cliente para uma reunião no Horizon Workrooms, só para ilustrar, é uma experiência que certamente vai ficar guardada na memória do cliente.

2. O metaverso oferece mais recursos para fidelizar os clientes

Atender clientes pela 1ª vez no metaverso talvez não seja a melhor opção, já que muitos não estão familiarizados e não conseguem acessar com facilidade. Mas pode ser eficaz para fidelizar clientes que já validaram os serviços oferecidos pelo escritório e, desse modo, estarão mais inclinados a conhecer o metaverso e suas oportunidades.

3. O metaverso possibilita cocriar soluções para problemas jurídicos

Profissionais da advocacia e seus clientes podem conversar, compartilhar insights e cocriar soluções para problemas e questões jurídicas, como se estivessem na mesma sala. Em resumo, sistemas como o da Spatial usam o espaço ao seu redor para criar locais de trabalho tridimensionais imersivos, interativos e bastante colaborativos.

Essas são apenas três possibilidades de explorar o metaverso na advocacia. A qualidade do trabalho técnico e o tato com o cliente não devem ser descuidadas e continuarão sendo relevantes no futuro, mas o novo ambiente virtual já oferece recursos que vão contribuir para que os escritórios de advocacia se mantenham competitivos no mercado jurídico.

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
Soft Skills: O diferencial para as profissões do futuro

Soft Skills: O diferencial para as profissões do futuro

Texto original publicado pela Mediar 360, associada AB2L O que são as Soft Skills? A cada ano que passa,
LDSOFT cresce ainda mais e, agora, faz parte da Vela Software

LDSOFT cresce ainda mais e, agora, faz parte da Vela Software

Lawtech é a oitava aquisição brasileira do grupo Vela Software
Advogados apostam no empreendedorismo e criam legaltechs para automatizar o mundo jurídico

Advogados apostam no empreendedorismo e criam legaltechs para automatizar o mundo jurídico

Startups desenvolvem soluções inovadoras para tornar o setor mais produtivo e eficaz
8 startups que cresceram usando apenas seus próprios recursos

8 startups que cresceram usando apenas seus próprios recursos

Conheça startups que escolheram o bootstrapping para escalar seus negócios: nada de investidores externos
EMPRESAS ALIADAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.