JOTA vence prêmio de melhor startup de informação digital do mundo

Publicado em
jota
Felipe Recondo, sócio do JOTA, recebe a premiação do World Digital Media Awards 2019 / Crédito: JOTA Imagens

O JOTA é vencedor do World Digital Media Awards 2019 na categoria de melhor startup de informação digital no mundo. A cerimônia de premiação ocorreu neste domingo (2/6) em Glasgow, na Escócia.

A premiação é organizada pela “The Association of Newspapers and News Publishers” (WAN-IFRA), uma organização global da imprensa mundial que reúne uma rede de 3.000 editores de notícias e empreendedores de tecnologia, além de 80 associações de editores membros, representando 18.000 publicações em 120 países.

No ano passado, o JOTA foi o vencedor do prêmio “LATAM Digital Media Awards”, na categoria de melhor startup de informação digital na América Latina. A premiação mundial selecionou, para concorrer, os três melhores entre os vencedores de cada continente.

Os outros dois concorrentes ao prêmio foram a startup americana Axios e o site Abacus, ligado ao South China Morning Post, de Hong Kong.

O jornalista Felipe Recondo, co-fundador do JOTA, que representou a empresa na cerimônia, agradeceu a toda equipe do JOTA após receber o prêmio. “Acreditamos que o fator humano é crucial para qualquer sucesso. Estamos muito orgulhosos de ter algumas das melhores pessoas nessa jornada.”

Para o CEO do JOTA, Marc Sangarné, receber um reconhecimento como esse representa a validação de muitas das apostas feitas com a criação da empresa. “O prêmio consagra um modelo de negócio inovador, reafirma o valor da informação, demonstra o potencial transformador do jornalismo e da tecnologia. Também demonstra que um time dedicado, talentoso e ético pode ir muito longe. Estamos apenas começando.”

Trajetória

O JOTA acredita que a falta de previsibilidade das instituições é um grande empecilho para que o país alcance seu pleno potencial. Essa falta de previsibilidade pode ser notada diariamente, por meio de decisões de instituições públicas pouco transparentes, mas que afetam fortemente o mercado e geram insegurança jurídica para quem atua no Brasil.

Foi a partir disso que a startup nasceu em 2014. Inicialmente focada em cobrir jornalisticamente o Poder Judiciário, o JOTA apostou em um modelo de assinaturas corporativas, que buscavam o acompanhamento de temas de alto impacto institucional e financeiro, que recebiam pouca atenção dos veículos da imprensa tradicional ou eram tratados de forma superficial e simplificada.

Aos poucos, por meio do feedback constante de sua base de assinantes, o JOTA expandiu sua área de cobertura e análise para outros Poderes, como o Legislativo e o Executivo, buscando oferecer análises e informações quentes, com destaque para fatos e dados que realmente importam.

A transformação segue ocorrendo. De uma “puro sangue jornalístico”, focada em temas jurídicos, a startup vem se transformando para se tornar uma empresa Saas (Software as a Service), com o objetivo de oferecer cada vez mais serviços de análise, inteligência de dados e construir cenários mais previsíveis a seus assinantes.

Fonte: JOTA

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
35288247962-b1ecf8d9b7-c

Solução de captura técnica de provas digitais da Verifact é utilizada pelo TSE e MPF

Tecnologia de coleta e preservação de provas digitais desenvolvida pela empresa Verifact, associada a AB2L, foi usada pelo Ministério Público Federal e Tribunal Superior Eleitoral nas últimas eleições
_113967234_hi031081850

Em resposta ao ChatGPT, Google planeja lançar 20 projetos de inteligência artificial em 2023

A empresa queria ir devagar, mas a ameaça externa da OpenAI acelerou o planos
Captura de tela 2023-01-27 094937

Cinco tendências de tech e ESG apresentadas em Davos

Diversidade e inclusão foram alguns dos principais destaques do relatório sobre o cenário atual do mercado global de tecnologia, lançado durante o Fórum Econômico Mundial
Captura de tela 2023-01-27 094517

“Não há falta de dinheiro para startups”, diz cofundador da Liga Ventures

Guilherme Massa explica que os desafios têm relação com um tempo maior de decisão dos investidores baseado no momento econômico e na busca por retorno
EMPRESAS ALIADAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.