Governo do Paraná lança aplicativo que facilita a busca das pessoas pela contratação de prestadores autônomos de serviços

Publicado em
Governo do Paraná lança aplicativo que facilita a busca das pessoas pela contratação de prestadores autônomos de serviços
Foto: Techtudo

 

 

Encontrar uma diarista, encanador, pintor, garçom ou cozinheiro ficará muito mais fácil no Paraná. O governador Carlos Massa Ratinho Junior lançou, nesta segunda-feira o aplicativo Paraná Serviços, uma solução inovadora que faz a intermediação entre o contratante e o prestador autônomo de serviços dentro do Estado. São mais de 100 categorias de serviços beneficiadas. O aplicativo, que já está disponível para os sistemas Android e iOS, vai facilitar a vida do cidadão que pretende contratar um serviço autônomo, além de aumentar a empregabilidade e tirar os trabalhadores da informalidade. A ferramenta foi criada pela Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho, por meio da Assessoria de Gestão Inteligente e Inovação e do Departamento do Trabalho, e desenvolvida pela Celepar, Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná. Ratinho Junior destacou a importância de se investir em tecnologia para melhorar a vida da população e o Estado como um todo.// SONORA RATINHO JUNIOR.// O secretário de Estado da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, explicou que outras categorias devem ser incluídas no leque de opções do aplicativo.// SONORA NEY LEPREVOST.// Além de cadastrar os profissionais no sistema para que sejam encontrados e contratados diretamente pelos usuários, o Departamento do Trabalho vai fornecer a capacitação profissional e a orientação necessária para que eles se tonem MEI, Microempreendedores Individuais. O cadastro dos profissionais no aplicativo será feito, preferencialmente, nas Agências do Trabalhador, que também ficarão responsáveis pela capacitação desses profissionais para manusear a ferramenta. Uma pesquisa realizada pela Celepar em 2017 indica que 35% das pessoas que buscam emprego nas agências têm potencial para exercer uma atividade profissional autônoma. Para o desenvolvimento do aplicativo, foram utilizadas metodologias consolidadas no mercado, como o Desing Thinking, que visa produzir uma ferramenta que atenda a necessidade do usuário, promovendo a facilidade de uso e objetividade para o resultado. Segundo o presidente da Celepar, Allan Costa, o aplicativo é mais uma iniciativa de uso da inteligência associada à tecnologia para melhorar a vida do cidadão.// SONORA ALLAN COSTA.// Quem quiser utilizar o aplicativo para buscar uma solução deve pesquisar pelo serviço ou profissional de que necessita. Basta informar as características do serviço que as opções de trabalhadores serão exibidas para a contratação. A escolha do profissional é da preferência do contratante, e o aplicativo permite a troca de mensagens entre os envolvidos. Quem contrata escolhe o o dia em que deseja o serviço, e o contratado recebe um aviso para confirmar ou rejeitar o agendamento. Os prestadores de serviço também terão a oportunidade de adicionar fotos dos melhores trabalhos que realizam, que poderão aparecer na seção de destaques. O pagamento pelo serviço realizado é feito diretamente entre quem contratou e quem ofereceu o serviço.

(Repórter: Wyllian Soppa)

Fonte: http://www.aen.pr.gov.br/modules/debaser/visualizar.php?audiovideo=1&xfid=81128

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
PNUD e Jusbrasil assinam parceria para pesquisas sociais no Brasil

PNUD e Jusbrasil assinam parceria para pesquisas sociais no Brasil

O Jusbrasil assinou uma nova parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) no intuito de ampliar as ações relacionadas ao cumprimento do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável de número 16
Soft skills para advogados: descubra as 12 habilidades essenciais para crescer na advocacia

Soft skills para advogados: descubra as 12 habilidades essenciais para crescer na advocacia

O que são soft skills, porque elas são importantes e quais são as principais para os advogados.
Judicialização das relações de consumo: ruim para empresa e cliente

Judicialização das relações de consumo: ruim para empresa e cliente

A judicialização tem custos sociais, financeiros e na credibilidade das empresas. A busca pelo consenso, principalmente através do bom atendimento, foi tema de painel no Conarec 2022
Parceria firmada entre NetEye e Privacy Tools

Parceria firmada entre NetEye e Privacy Tools

Lei de Proteção de Dados como ponto-chave para promover um gerenciamento de alto rendimento operacional e gerencial dentro das empresas
EMPRESAS ALIADAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.