CEO do JP Morgan Jamie Dimon se arrepende de chamar o bitcoin de “fraude”

Publicado em
jamiedimon-702x336 (1)

Dimon demonstrou arrependimento sobre as criptomoedas em entrevista para o Fox Business nesta terça-feira, dia 09

O CEO do JP Morgan, Jamie Dimon se mostrou arrependido de chamar o bitcoin de “fraude” no passado. Apesar demonstrar remorso na afirmação, ressaltou que ainda não está interessado em criptomoedas não-estatais em geral em entrevista dada ao Fox Business.

Dimon chamou a criptomoeda de fraude em uma conferência de investidores bancários em New York em setembro do ano passado. Ele afirmou que as criptomoedas não iriam funcionar e que “não pode ter um negócio onde as pessoas possam inventar uma moeda do nada e pensar que as pessoas que estão comprando são realmente inteligentes”, disse ele.

Diversos bancos, exchanges e companhias “abraçaram” bitcoins, impulsionados pelo crescente interesse dos consumidores e investidores – inclusive existem derivativos da moeda na bolsa de Chicago no momento, o que é um grande passo para a institucionalização.

A forma como fazemos negócios está mudando. Mas o que vimos até aqui foi só a ponta do iceberg. Você está preparado para a Nova Economia? Reunimos as mentes mais brilhantes do Brasil para debater os pontos fundamentais que vão impactar seus negócios e sua carreira em 2018: A Revolução da Nova Economia.

 

Por Elena Costa

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
BGC

Streamers gamers apostam em um novo nicho: eventos proprietários

Brasil movimentará US$ 2,7 bi em negócios relacionados a games em 2022
carreira_profissoesdofuturo_24022021_Marko-Geber_GettyImages-3-768x512

No pain, no gain: tentativa e erro devem fazer parte da cultura das empresas da era digital

Atualmente as empresas procuram desencadear transformações digitais e se beneficiar de infraestruturas escaláveis e ágeis
acordo-online-negociacao-aperto-maos

Plataformas de ODR agilizam conciliação online e facilitam acordos entre as partes

Daniel Marques, diretor executivo da AB2L fala para a Conjur
jus-gif-2

PNUD e Jusbrasil assinam parceria para pesquisas sociais no Brasil

O Jusbrasil assinou uma nova parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) no intuito de ampliar as ações relacionadas ao cumprimento do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável de número 16
EMPRESAS ALIADAS

Receba nossa Newsletter

Nossas novidades direto em sua caixa de entrada.